Fechar
  • Unidade Itaim
    (11) 3040-1100
  • Unidade Morumbi
    (11)3093-1100
  • Unidade Anália Franco
    (11) 3386-1100
  • Unidade Jabaquara
    (11) 5018-4000
  • Unidade São Caetano
    (11) 2777-1100

Editorial

Editorial

Quando as luzes verdes do autódromo de Interlagos se acenderem e os motores dos carros roncarem, no GP Brasil de Fórmula 1, estará começando mais um teste para a estrutura da Rede D’Or São Luiz na pista. Há doze anos somos o hospital responsável por atender pilotos, mecânicos e equipes na versão brasileira da competição de maior prestígio no calendário automobilístico internacional. Trata-se de uma operação que requer planejamento irrepreensível, fases muito bem delimitadas, responsabilidades muito bem definidas e distribuídas, estrutura de ponta e profissionais de alto nível – tudo para que o resultado seja o melhor possível.

Essa mesma obsessão e essas mesmas necessidades deram origem a outro grande desafio da Rede: conceber e implantar um sistema que respondesse a uma das queixas mais comuns de quem frequenta hospitais no Brasil – o tempo de espera para que um paciente não grave (85% dos casos) seja atendido num pronto-socorro. Para desatar esse nó, recorremos aos mesmos fatores mobilizados no nosso trabalho na Fórmula 1: planejamento, método, infraestrutura de primeira linha e colaboradores muitíssimo bem preparados.

Foi assim que nasceu o Smart Track. Como destacamos na reportagem de capa desta edição de SuaSaúde, um dos diferenciais desse modelo, em comparação com o convencional, é a redução do tempo de espera para o paciente não grave receber o primeiro atendimento médico. Num pronto-socorro comum, não é raro que a pessoa tenha de aguardar até quatro horas para receber a assistência inicial. Com o Smart Track, esse período cai para, no máximo, 20 minutos.

A metodologia, explicada na matéria especial, já foi adotada nas unidades de São Paulo, Rio de Janeiro e em breve vai vigorar no pronto-socorro dos hospitais da Rede em Pernambuco, como informa uma nota de acontece na rede.

Boa leitura!